Novela (que podia ser mexicana) com um número infindável de episódios e protagonistas a mais, vendida em pacotes económicos aos países do leste europeu. Enredo muito intrincado, malfeitores qb, doses exageradas de sacanices, facadas nas costas e muitas figurantes com língua de porteira. A única coisa que vale a pena no meio desta salganhada toda?! A protagonista, que interpreta este argumento sem mudar uma vírgula... ou não fosse isto a sua vida.

sexta-feira, 5 de outubro de 2007

Have I?

4 comentários:

Mad disse...

You most certainly did.

JOAO MARIA disse...

Obrigado por lembrares esta musica,

FL disse...

Mad,
Também gosto muito de ti;-)

João Maria,
De nada!

Beijos

Mad disse...

Eu não estava a falar de mim, querida. E nem tu, quando postaste a música...

Mas pronto, tá bem.