Novela (que podia ser mexicana) com um número infindável de episódios e protagonistas a mais, vendida em pacotes económicos aos países do leste europeu. Enredo muito intrincado, malfeitores qb, doses exageradas de sacanices, facadas nas costas e muitas figurantes com língua de porteira. A única coisa que vale a pena no meio desta salganhada toda?! A protagonista, que interpreta este argumento sem mudar uma vírgula... ou não fosse isto a sua vida.

sexta-feira, 26 de outubro de 2007

Putinices

Eu que me costumo gabar que levo 10 minutos para chegar ao emprego… Hoje apanhei uma seca descomunal.

Saí de casa às 8h40 e cheguei ao escritório às 9h57… Estive mais de 45 minutos para fazer uma avenida de 500m.

E tudo isto porquê? Porque está cá um russo e há uma cimeira e coiso e tal…

Pois! E quem se lixa é o mexilhão… Já a A5, A8 e a CREL estavam cortadas há que tempos e o Sr. Putin ainda devia estar a espreguiçar-se na cama ou a tirar as ramelas…

Enquanto o tipo calmamente calçava os sapatos, milhares de portugueses abobravam nas filas de trânsito enquanto enalteciam o estado russo e o seu representante… Muitas vozes se devem ter ouvido a elogiar as qualidades da mãe do menino.

E porque é que não fizeram a cimeira nas Berlengas? E se a cimeira começava em Mafra a 10h da manhã, porque é que o Sr. ficou a dormir no centro de Lisboa? Será que a malta que organiza estas coisas não sabe o verdadeiro significado de “hora de ponta”? Não há hotéis na zona saloia? Podiam tê-lo posto a dormir nos carrilhões do convento…

Oh por favor… ainda bem que é 6ª feira!

2 comentários:

Mad disse...

Este post devia chamar-se filha da putanices...

JP disse...

Coincidência das coincidências, mais sobre Putin e mexilhões no "Eldorado".

Beijos e bom fim-de-semana.