Novela (que podia ser mexicana) com um número infindável de episódios e protagonistas a mais, vendida em pacotes económicos aos países do leste europeu. Enredo muito intrincado, malfeitores qb, doses exageradas de sacanices, facadas nas costas e muitas figurantes com língua de porteira. A única coisa que vale a pena no meio desta salganhada toda?! A protagonista, que interpreta este argumento sem mudar uma vírgula... ou não fosse isto a sua vida.

terça-feira, 18 de setembro de 2007

I'll follow you

Psst! Anda cá!
Sim, tu... chega aqui para eu te dizer uma coisa.

É para ti, mas não digas a ninguém! É segredo:)

Estás tramado: amo-te pá!

4 comentários:

Anónimo disse...

Podia não comentar.
Pelas razões que sabemos talvez não o devesse mesmo fazer.
Vou ser anónimo.
Vou ser o "Cascóis".
Mas não posso deixar de dizer que te amo, como nunca amei ninguém.
Que és a mulher da minha vida e que vivo para os momentos que passamos juntos.
Amo-te, pá!

"Cascóis"

aprendiz de feitiçeira disse...

Então... Já está neste ponto?! Ai miga, miga, miga...lá se foi a tua ideia de descrição (também... quem quer tal tarefa?!)

Beijinhos e digo, não digo...digo ou não digo... ok não digo!

Bjos

FL disse...

Cascóis,

:-) e :-D ... e tenho pena de não saber mais ícones com sorrisos rasgados! But you know what I mean.

Amiga,

Conta-me tudo! É uma ORDEM:)
Beijo grande

aprendiz de feitiçeira disse...

Miga... espreita o meu blog... e mais não digo!

Bjos