Novela (que podia ser mexicana) com um número infindável de episódios e protagonistas a mais, vendida em pacotes económicos aos países do leste europeu. Enredo muito intrincado, malfeitores qb, doses exageradas de sacanices, facadas nas costas e muitas figurantes com língua de porteira. A única coisa que vale a pena no meio desta salganhada toda?! A protagonista, que interpreta este argumento sem mudar uma vírgula... ou não fosse isto a sua vida.

terça-feira, 8 de janeiro de 2008

Ena tantos!

O tempo passa mesmo depressa, já escrevia eu ontem.

Passei grande parte do ano passado à espera de Setembro. A Sarita já tem quatro meses, faz bolhinhas com a boca, come papas, palra que nem gente grande e a sua mamã já foi trabalhar. E é linda, linda, linda!

Este ano, tenho mais por esperar…
Há um João Pedro para Maio, um André ou uma Catarina para Junho (provavelmente saber-se-á esta 6ª feira) e um Duarte para Julho.
Tudo sobrinhos (um verdadeiro e dois emprestados). E ontem soube que a minha prima B. também está grávida. Era suposto ser segredo, mas o avô babado desbroncou-se todo ao telefone. Só não sabe qual a marca do bebé e para quando está previsto.

Às “minhas” grávidas todas, uma beijoca muito grande e 2008 vai ser, sem dúvida, cheio de fraldas, biberões e cheirinho de bebé.

Coisa boa.
Ah… e faço figas para que corra tudo bem com as mamãs e respectivos rebentos. Tal como a Sara, na foto!

3 comentários:

Paula,Tomás e Salvador disse...

Boa!Boa! Muitos parabéns a todos! mães e pais, tias a sério ou emprestadas!
O melhor são as alegrias que os nascimentos nos dão. Eu cá tenho uma Maria a nascer em Julho!

beijos

FL disse...

Olá Paula!
Os putos continuam lindo:-)

Beijocas e volta sempre

FL disse...

*lindos